segunda-feira, 6 de setembro de 2010

"ZONA DE CONFORTO" X "ZONA DE CONFRONTO".

Assisti o filme "o procurado"e o personagem principal fala de sua vida patética, na mesmice e ter que aguentar um serviço e uma chefe chata, etc...Então a vida dele muda e fica cheia de ação (não vou entrar em detalhes pra não estragar quem quiser assistir, é um filme de ação, o que estraga o filme são as cenas impossíveis de acontecer...virou fictício). Em vários momentos, ele não sabe mais quem é, não conhece suas capacidades e talentos. Se sente um "nada" e fica perdido, até que pergunta para nós quando tomaremos as rédeas de nossas vidas.

Assisti o filme "o amor não tira férias", várias vezes e acho primordial, na vida e em filmes, quando um personagem muda sua vida, mudando seu modo de ver a vida e seus pensamentos.

Todas nossas atitudes que nos façam sair da "zona de conforto", já diz tudo: ficamos desconfortáveis mas por um tempo até voltar tudo ao seu estado normal, acomodando as mudanças necessárias dentro de nossa realidade de vida.

É muito complicado e nada fácil ser cristã. Uma vez li numa camiseta: É fácil andar com Jesus no peito mas o difícil é ter peito para andar com Jesus.

Se você é solteiro: não pode se relacionar antes de casar mesmo que antes da conversão já havia acontecido...mesmo se casado e divorciado.

Se casou só pode separar e ainda não sendo a vontade de Deus, se o seu parceiro te trair. Se não houver o adultério, pode até se divorciar mas não poderá ficar com mais ninguém pois cometerá adultério com a outra pessoa que ficar.

Então, na maior parte sua principal opção é em ficar sozinha e somente servir a Deus. Claro, que isso não é um peso mas um privilégio, poder servir ao Senhor.

Estranho é que por mais que queiramos fazer tudo certo e agradar a Deus, percebemos que fazemos escolhas erradas e pagamos pelos nossos erros.
E, os falsos profetas que vem com suas armadilhas nos enganar. Hoje, eu só quero saber da Palavra de Deus, se esta escrito amém, se for a palavra do homem, estou fora.

Seja qual for nossas escolhas:a principal é sair da zona de conforto pois deveríamos ser seres pensantes e não vivermos por viver, sem refletir, questionar, não viver de acordo com moldes errados, ditados por pessoas capitalistas, fúteis, sendo conduzidos como gados.

Com certeza, não quero e não sou assim. Penso, logo existo.(Descartes)

Vida da gado (Zé Ramalhos)

Vocês que fazem parte dessa massa,

Que passa nos projetos, do futuro
É duro tanto ter que caminhar
E dar muito mais, do que receber.
E ter que demonstrar, sua coragem
A margem do que possa aparecer.
E ver que toda essa, engrenagem
Já sente a ferrugem, lhe comer.

Eh, ôô, vida de gado

Povo marcado, ê
Povo feliz
Eh, ôô, vida de gado
Povo marcado, ê
Povo feliz

Lá fora faz um tempo confortável

A vigilância cuida do normal
Os automóveis ouvem a notícia
Os homens a publicam no jornal
E correm através da madrugada
A única velhice que chegou
Demoram-se na beira da estrada
E passam a contar o que sobrou.

O MELHOR LUGAR PARA SE ESTAR É NO CENTRO DA VONTADE DE DEUS E ACREDITO QUE O PIOR LUGAR PARA SE ESTAR, É FICAR SENTADO NO MURO DA INDECISÃO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

VOU FICAR MUITO CONTENTE SE VOCÊ DER UM POUCO DO SEU TEMPO PARA ME DEIXAR UM RECADINHO,OBRIGADA. DEUS O ABENÇOE.