domingo, 5 de setembro de 2010

CASAMENTO X DIVÓRCIO X ILUSÃO

Eu procuro ler muito textos na web e escuto cultos, na rádio.
Hoje, escutei essa frase: “Diga-me como foste amado que eu te direi como fazes amor"

Tentei procurar qual terapeuta americana escreveu e acabei achando este site que fala contra o divórcio e tem o primeiro capítulo disponível.
Achei super interessante e estou colocando para vocês:
http://www.divorcebusting.com/sb_the_divorce_remedy.htm


Algo que puder perceber nos nossos relacionamentos, é que muitas vezes, o problema esta dentro de nós. Não falo de traíção, grosserias, dependência química,outras coisas que o problema obviamente esta no outro.

Quando falo que o problema esta em nós, é no que buscamos no outro e no que encontramos.
Dizem que, inconscientemente, refletimos coisas nossas no outro e não necessáriamente dentro de um casamento. Pode ser uma amizade ou outro tipo de relacionamento, familiar ou não.

Sentimos raiva quando o outro tem atitudes que não queremos ter em nossas vidas.
Ex.: se o outro for muito acomodado e isso nos deixa com muita raiva, pode ser porque fomos acomodados e mudamos isso em nós e não aceitamos que o outro tenha algo que não queremos pra nós.

Se o outro tem problemas com autoestima e temos ou tivemos, isso nos encomoda tremendamente porque não aceitamos nos outros, nossas próprias dificuldades...entenderam?

Não sou e nem estudo psicologia mas vivo as coisas e também fiz uns 14 anos de terapia com profissionais diferentes, num determinado tempo me ajudaram mas depois o tratamento de alguma forma ficou parado...isso não sei explicar.

Eu tive oscilações em excesso de "amor", isto é, obssessão ou dependência emocional e do outro lado o "não se apaixonar, amar ou se iludir".
Houve situações que a separação seria o único caminho pois não aceito de modo algum uma mulher ser agredida fisicamente ou traída várias vezes correndo o risco de vida...nesses casos, eu jamais falaria pra uma mulher: - continue orando irmã pelo seu marido e apanhando, sendo humilhada, traída, etc...que ele irá mudar...

Tem muitas, milhares de mulheres que querem acreditar nisso e ficam buscando isso de Deus enquanto sua vida esta acabada ou se acabando, diariamente...

Acredito em milagres, com toda certeza mas interferir o livre arbítrio do outro, só se Deus quiser mesmo. Orei por duas pessoas com o perfil parecido e passaram anos e nenhuma dessas duas pessoas mudaram em nada...ainda me fizeram muito mal, me deixando doente emocionalmente e fisicamente.

Casei com meu melhor amigo para não cometer os mesmo erros mas cometi um...

Só quero dizer para algumas mulheres que entram em contato comigo que cada caso é um caso. Não se pode ter ninguém como modelo neste caso porque depende de cada um e do propósito de Deus.

Uma dessas pessoas que orava, Deus me deu 4 vezes a mesma palavra que não era para orar mais porque "eram casa de rebeldes" EZ... e ainda fui teimosa pedi para Deus ter misericórdia e mudar mas isso nunca aconteceu. Ainda tem tempo porque a pessoa esta viva mas não faz mais parte da minha vida.

As pessoas e nós pensamos bem assim: separando acaba o problema.
Se continuarmos alimentando os mesmos sentimentos levaremos para onde formos.
Acredito em terapia, em uma resposta de Deus mas acredito que sem esforço de nossa parte, ficaremos nadando e morrendo na mesma praia.

Temos que avaliar as nossas dificuldades, como fomos amados quando crianças e de que forma fomos amados, observar os relacionamentos anteriores sem enfeitar que foi maravilhoso, algo que só foi vivido por nós e fantasiado por nós...enquanto o outro vivia outra realidade que nem fazíamos parte dela.

Só mudaremos e cresceremos quando olharmos para nós mesmos com um olhar de "superman", isto é,"olhos de rx" e vermos que não somos tão perfeitos quanto achamos que somos; nem tão bonzinhos e pedirmos para Deus nos ajudar a estar preparados para nos enxergar.
Quando pedimos isso, muitas vezes enxergamos coisas que não sabemos e não queríamos ver em nós.

Essa será nossa lição de casa...eu tenho tantas e essa faço sempre mas ainda bem que Deus conhece nossas limitações...bjs.

3 comentários:

  1. Como diz minha sobrinha "Você é do bem",rs,rs
    Adorei o texto, é isto ai "Tocando a marcha seguindo em frente", só DEUS sabe das coisas e as vezes nós perdemos tempo e nos sobrecarregamos tentando resolver coisas por nós mesmos. Afinal Deus é o mesmo de ontem , hoje e amanhã e nós os filhos e como todos filho quando as pernas nos levam por caminhos próprios e equivocados nos voltamos pela barriga, neste caso as pernas levam, a lingua fala e ele Diz para! e cala-te, para poder escutar....
    Bem... viva continue com o blog e oriente sempre que puder e continue atenta a Voz do Senhor. Bjs e feliz feriado.

    ResponderExcluir
  2. Às vezes esperamos tanto do outro e não temos o que aguardamos, estou aflita e ao mesmo tempo confusa.
    Estou em um relacionamento que após três anos vim saber com quem casei, mais pequei, pois casei com pouco tempo de namoro, não o conhecia direito. Más quando somos jovens queremos fazer tudo sonhando.
    Conhece esta pessoa depois de ter me decepcionado muito com os homens nem posso dizer relacionamentos porque quase não teve, e achei que com ele seria diferente. No começo foi ele era atencioso, carinhoso, tudo que pedi ao senhor. Sentia-me realizada, más falta algo em si bebia muito, mais Deus o lapidou ele reconheceu a palavra e foi aos braços do senhor.
    Porém depois, que oficializamos nossa união, ele mudou na mesma semana, voltou a beber e mentir, e comecei a descobrir coisas que ate hoje me machucam e eu tento esquecer.
    Na verdade irmã só tenho me decepcionado, as vezes oro e pergunto ao senhor, o que esta havendo, ele promete que ira mudar , mais se junta com os “amigos” e sai para curtir e dorme por La sabe com quem, acredito que sozinho não seja.
    Eu não tenho mais valor para ele, seus colegas de trabalho têm mais importância que sua própria esposa, e com isso estou sem atenção, me sinto só ao seu lado.
    Não sei o dia que ele irá acordar espero que seja breve, antes que todo o amor que sinto por ele se desgaste, será que ele sente nada, que e mesmo um cafajeste, eu me enganei o tempo todo, quero acreditar q não. Que casei com um homem de verdade, que escolheu casar comigo porque sou importante, e principalmente por que me ama e quer uma vida feliz.
    Como a vida é enquanto ele me esquece deixa eu me sentir sozinha, tem outro que quer me dar atenção e ganha um sorriso meu, mais eu ainda não fui capaz de trai-lo. Ele tem sorte, pq não estou rodeada de falsas amigas como ele, que me incentivam trair, que sei q o dele faz isso. Espero que ele acorde e não perca o amor que ainda me resta por ele, e que ele volte me fazer feliz, pois eu quero ser amada eu preciso, casei para amar e ser também.
    Leia irmã esta carta e me der um retorno assim que poder, esta e minha historia do meu relacionamento.
    Deus me ilumine e a abençoe pela atenção.
    Anna Barreto

    ResponderExcluir
  3. Eu passei por isso por varias vezes e mesmo hoje, tenho certas dificuldades mas nada comparado com que já sofri. Vou te passar o e-mail de uma pastora que tem ministério de casais. Creio que ela esteja mais preparada para te ajudar: Marina Casados para Sempre . Sinceramente, não sou ninguém para dizer o que vc deve fazer mas tenho certeza de uma coisa: Deus é vivo e pode te responder mas para vc conseguir ouvir Sua voz, terá que buscar intimidade com Ele, através de muita oração, orar de madrugada, jejuar e insistir até o Senhor te dar uma resposta. Acredito que na vida nada é quadrado ou sem saída. Estarei sempre aqui...bjs.

    ResponderExcluir

VOU FICAR MUITO CONTENTE SE VOCÊ DER UM POUCO DO SEU TEMPO PARA ME DEIXAR UM RECADINHO,OBRIGADA. DEUS O ABENÇOE.