terça-feira, 20 de abril de 2010

O PORQUÊ NÃO CONSEGUIMOS NOS ENXERGAR?

Isso que vou postar tem tudo a ver com o post anterior e com tudo que sou, e penso...não enfeito e nem coloco borboletas e florzinhas como a maioria coloca pra se esconder ou se proteger.

Amigas (os), marido, ex alguma coisa...rs, várias pessoas inclusive minha terapeuta me disse algo ontem e fica estranho na minha cabeça:

-VOCÊ NÃO SE OLHA NO ESPELHO?

-VOCÊ NÃO CONSEGUE ENXERGAR QUE É BONITA?

-VOCÊ ATÉ HOJE, NÃO TEM CONSCIÊNCIA QUE TEM MUITAS PESSOAS QUE TEM INVEJA DE VOCÊ, PELA SUA BELEZA? PRINCIPALMENTE, SEU ROSTO QUE É PERFEITO?

E, minha resposta é NÃO. EU SEI PELAS PESSOAS QUE ME FALAM, ELOGIAM, PELOS HOMENS QUE ME SECAM MAS EU NÃO CONSIGO ME VER.

Aí minha terapeuta percebeu que tenho uma visão distorcida de mim e conversamos sobre o assunto e por isso que me identifiquei com essa novela que para muitos parece boba.

Minha mãe, infelizmente, só falava coisas negativas sobre mim mas que eu era muito bonita.

Meu primeiro amor. M.A., falava que ele queria alguém que fosse grosseira com as pessoas, mais "descolada" mas eu enfeitava a vida dele com minha beleza.

Aí, passei por uma fase que me larguei, engordei, cortei o cabelo, não estava nem aí, ainda namorava com alguém que não era apaixonada mas que ele gostava de mim gorda mesmo. Tudo isso pra ver se eu era valorizada como pessoa, pelas minhas virtudes e não beleza física mas nada mudou, só sofri, fui humilhada, como feia, mal arrumada, gorda, etc.

ABRE PARENTESES:
"Com nove anos, cheguei a pesar 63kg, de tanto que minha mãe me obrigava a comer porque disse que o médico falou que estava doente.

Depois na fase adolescente, os meninos, implacáveis ficavam desfazendo de mim...me chamavam até de Fafá de Belém, imaginam?

PS.: meus dentes eram todos tortos e precisava usar aparelho que na época era só para rico, tudo era pago e morria de vergonha de sorrir.

Aí, comecei a namorar com o M.A., que foi paixão a segunda vista e não nos desgrudávamos. Um dia, passando pela rua próximo da casa dele, estava uma moça andando na frente e ele me fala: - Foi com ela que namorei.

E, todos falavam que ele era apaixonado por ela antes de me conhecer. A moça era linda e bem vestida, tratada e olha que não a vi de frente...rs.

Depois disso, não comia quase nada e tomava todos os remédios que falavam fazer efeito para emagrecer...loucura...não entendia nada de dietas.

Passava o dia com um pão francês.

E, cheguei aos 52kg, pulando de alegria...passado um ano; terminamos, voltamos...depois eu conto essa história e ele me falou o que escrevia em cima e me trocou por outra que não era tão linda quanto ele achava que eu era...que b....!"

FECHA PARENTESES.
Aí terminei com esse namoro chato, entrei numa academia, comecei uma dieta balanceada e fiquei perfeita, além de usar de alguns recursos estéticos.

Cabelo loiro, super bem tratado, enorme e pela graça do Senhor, tenho os olhos verdes escuros. Comecei a tomar sol para ficar menos branca e o resultado foi perfeito. Ainda entrei na primeira faculdade, fazendo Letras (mas não terminei) e pouco antes comprei e troquei 3 carros.

Mas nada adiantou para eu receber minha tão sonhada valorização, pelas minhas conquistas...emocionalmente, continuava sendo frágil e querendo ser amada.

Só apareceram homens lindos mas que não queriam relacionamento sério e um deles, o Alê, falou que não namorava comigo porque eu chamava muito atenção das pessoas, por ser tão bonita e que isso pra ele seria um problema.

ME DESMONTOU E MEUS SONHOS.

Como no filme "Nothing hill", onde ela era famosa, linda, rica, tinha tudo mas só queria amar e ser amada, envelhecer junto dessa pessoa e construir uma vida e família com ela.

Parece tão simples mas não é. Quantas mulheres maravilhosas não conseguem isso e sonham com esse homem que hoje parece não existir mais.

Depois, disso tudo, desisti de tudo: do corpo sarado, da faculdade, engordei e fiquei arrasada porque me julgavam como "uma mulher linda" mas e o "ser humano"?

Encontrei uma pessoa que parecia gostar de mim como eu era mas não passava de um aproveitador financeiro e dependente químico.

Casei e tive um filho, com enchaço e gordura, cheguei a 30kg a mais e após uma semana do nascimento; 15kg a menos, só de água.

Voltei aos 60kg mas o esse ex, queria que eu ficasse feia, só podia usar saiaõ, sem maquiagem e me podava enquanto me traía direto. Colocava defeito direto em mim.

Me libertei...é outra história.

Fiquei por um tempo com um peso ótimo e sem exercícios.

Foi passando o tempo e sem notar, engordei tudo de novo...é um saco, este efeito sanfona.

Depois de alguns anos, encontrei um namorado que, em uma semana, estava completamente, apaixonada e achava que era um presente de Deus...misericórdia.

Já contei essa história em outros posts, no outro blog porque foi muito sofrido pra mim e até hoje, ainda sofro efeitos colaterais do que ele e as irmãs dele falavam.

Estava com uns 71kg e queria encontrar alguém que gostasse de mim gorda, mesmo que depois emagrecesse.

Resumindo: no primeiro mês de namoro uma das irmãs dele me falou que eu era horrível de corpo e falou tantas coisas que fui parar no pronto socorro. Depois, ela implicava até com os meus dentes ( que usei aparelho 5 anos numa época que não havia tanto preparo) que é um pouco tortinho, muito sutil comparado com que já foi um dia.

Ele achava que ninguém olhava pra mim porque era gorda e me trocou 2 vezes por prostitutas profissionais porque dizia que elas tinham o corpo perfeito.

Emagreci tanto por depressão ou pelo que ele dizia e cheguei aos 54kg, sem dieta.

MULHERES, QUEREM EMAGRECER SEM DIETA, É SÓ SER TRAÍDA POR QUEM VC ESTA APAIXONADA, TROCADA E HUMILHADA...É RAPIDINHO.

Pensei que ele ía me achar linda e ele falou que agora tinha ficado osso e pelanca. O pior é que fiquei super bem e muito pouco flácida porque fazia caminhada, um pouco de exercícios, pode?

E, ainda, pedia pra irmã dele me falar se não dava pra eu fazer plástica pra colocar silicone nos glúteos porque meu perfil não é ter aquela b...enorme de redonda.

Estou resumindo pois depois voltamos e separamos várias vezes, o meu pai faleceu, fiquei cheia de problemas para resolver que nunca tinha lidado, os estudos que amo mas que tenho que ter tempo, o rompimento do tendão do ombro esquerdo, etc...

Então, fui engordando, sem notar embora estiavesse melhorando emocionalmente, até que passei dos meus limites e cheguei, de novo, nos meus 71,200...chega!

E, percebi que me autofragelo com a alimentação. É loucura mas parece que é uma forma de me punir, me fazendo mal porque sei que ficando gorda ou sobrepeso, não vou ficar bem comigo.

Acredito que só notei por causa das roupas lindas e calças que não posso usar, estão todos ensacados; isso não é legal.

Então, minha terapeuta perguntou se não estou me sabotando, sendo que já fiz várias dietas e consegui ficar bem com meu corpo e por que agora fico em "cima do muro"?

Mesmo que a casa esteja sendo reformada, tudo de "pernas para o ar", pó pra todos os lados, inclusive em volta do meu nariz, mil contas para pagar, trabalhos de faculdade, ainda tem o lado emocional que nem sempre esta perfeito e quando não estou bem fica complicado...só por Deus.

Mas já diminui a minha alimentação, mesmo sem exercícios físicos.

Vou tomar uma atitude, como estou tomando em tudo, na minha vida...quero cortar tudo que me faz mal e todos que me fazem mal...

Não vou dizer que estou feliz mas estou agradecida por tudo que Deus faz e fez na minha vida e pelas pessoas que Ele tira e outras que Ele põe.

É, isso, escolhia ser feia e bonita...parece que tenho medo de ser bonita e ao mesmo tempo tenho medo de envelhecer e perder esta opção de poder ser feia e ou bonita, quando eu decidir.

QUAL É PIOR OU MELHOR: SER BONITA OU SER FEIA, ISTO É, SE ESCONDER OU SE MOSTRAR?

7 comentários:

  1. Katia,


    depois de ler todo esse post, nossa estou aqui pensando quanto coisa vc já passou, menina vc e uma guerreira
    parabéns.
    te desejo forças
    beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi katinha!
    puxa vida, quanta coisa acontecendo ao mesmo tempo! rsrsrs!
    escrevi um comentaro no seu ultimo post dizendo exatamente sobre isso, do mal que vc as vezes, "sem querer" acaba fazendo a si mesma.
    fico triste com tudo isso, pq gosto muito de vc, e me faz mal ve-la tao tristinha.
    eu reconheci algumas dessas pessoas que vc citou no post, mas pelo que me lembro, foi no blog rosinha... lembro que depois vc ate citou uma parte de um comentaro que eu fiz em relaçao a isso em outro post...rsrs
    Vc é bonita. Vc sabe disso. Pq se importa tanto com a opiniao dos outros? Eu nao consigo entender como isso pode ser tao importante para vc. Vc tem uma familia linda, um marido que pelo o que eu ja vi, te ama ate demais...rsrsrsrs
    e vc sabe que é super-inteligente tambem, nao precisa que as pessoas fiquem te lembrando isso o tempo todo. Lembra daquela sua "amiga" que tinha inveja de vc por causa disso, pq vc conseguia tirar boas notas so de prestar a tençao na aula, e ela tinha que se esforçar muito mais...? Ela nao estava com inveja da sua beleza, mas do que vc é por dentro. Ou seja, ela considerou vc como pessoa, mesmo que tenha canalizado isso para um lado negativo...
    Meu livro fala disso também. A protagonista é cega, e nao faz ideia de como é, ou do que seja, a sua aparencia, e precisa confiar nos outros, que dizem que ela é bonita. Mas o que é ser bonita? É um dilema que ela supera... e tambem abordei varios preconceitos que essas pessoas passam no seu dia-a-dia, eu nao sei, mas escrever isso me fez ver que, no fundo, todos somos um pouco cegos, pq nao enxergamos alem de nossas mentes limitadas. O que é ser bonita? O quanto vale a aprovaçao de um estranho, ou de uma pessoa que vc mal acabou de conhecer? Para mim, nao muito coisa...rs
    eu nao quero que vc fique triste!
    Fica feliz denovo, por favor!!!
    rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrs
    beijos!

    ResponderExcluir
  3. ola...
    acabei de ver seu cometario. Foi um consolo para mim, pq estava me sentindo um tanto sozinha. Obrigada katinha. Julio vai embora daqui a duas semanas. Pois é... postei sobre isso, mas nao foi um post original, foi uma copia do meu caderno de escritos. Estou meio zonza. Como se tivesse cheirado tripas de bode.
    rs
    que bom que vc esta aqui!
    ao menos, vc esta aqui, apesar de tudo. bem, obrigada.
    mil beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi Kátia, em primeiro lugar parabéns por continuar lutando firme depois de tanta luta.

    Eu tenho um sério problema com auto-estima, na minha infância e na minha adolescência também fui a feia e ainda por cima tenho uma irmã bela e desde criança, nossos parentes, amigos, rapazes na escola sempre tiveram o costume de ficar comparando ela comigo, sempre diziam, essa (que sou eu) é feia, mas a outra é bonita. Foi uma época muito humilhante.
    Hoje as comparações continuam, ela continua bela, mas pararam de me chamar de feia.
    Mas eu ainda acredito que eles falam mal de mim pelas minhas costas rs.
    Eu acho que é por causa dessas humilhações que eu passei que hoje eu tenho sérios problemas emocionais, tenho carência afetiva e sonho em encontrar o homem da minha vida.
    Mas se um dia algum namorado me disser que eu sou feia, eu acho que eu vou desmontar por completo, posso até cair em uma depressão profunda rs..
    Por isso eu acho bem bacana ler historias como as suas, saber que outras pessoas já passaram por isso e conseguiram dar a volta por cima, para eu criar forças também, porque só quem se acha feia ou um dia se achou feia sabe o quanto é sofrido essa situação e o quanto a gente acaba judiando de nós mesmas.

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Obrigada por vocês me darem atenção e pelo que escreveram...bjs.

    ResponderExcluir
  6. Milla Insana29/04/10 20:12

    "Meu primeiro amor. M.A., falava que ele queria alguém que fosse grosseira com as pessoas, mais "descolada" mas eu enfeitava a vida dele com minha beleza."

    Credooo... q horrorrr!!!!

    Amiga, ja q tu se expoe tanto (o q acho mto errado na net)...se um dia vc tiver coragem, posta akelas fotos ref a esse post...lembra, akela q c tah lindissima por causa da academia, e outra qdo vc tava gravida, antes ou depois... nao sei...Q eu fikei chocada pois nao acreeditei q era vc!!!

    Mas soh se vc tiver mta coragem e isso nao for te prejudicar...

    Parece a bela a feia...kkkkk

    bjuss.. vc eh linda por dentro e por fora!!!
    Algumas pessoas sao belas e usam mto bem esse ponto positivo...chegam ate a humilhar as outras pessoas... outras.. nao dao a minima pra propria beleza. Eu como sou..mediana...normal.. comum...nao tenho esse tipo de problema e nunca almejei ser a mais bela e popular da escola ou da sociedade...

    bjuss

    ResponderExcluir
  7. Oi Kátia,
    estava aqui bisbilhiotando seu blog e te digo que esse seu relato me deixou muito impressionada!
    Sei que a sociedade que vivemos dá muito valor à beleza física e, até certo ponto, acho normal. Todos nós gostamos do que é bonito; uma pessoa, uma paisagem, uma comida...
    Nada de mal em querer estar bem, parecer bem, se sentir bem, ser aceita e até em fazer uma dietinha, um exercício, comprar uma ropitcha, uma maquiagem, etc.
    Mas temos de saber lidar com td isso e filtrar as várias mensagens que nos enviam, principalmente da mídia! Até porque, a beleza é relativa e varia dependendo do tempo do espaço e, principalmente, dos olhos de quem vê!!
    O triste e problemático é quando "isso" se torna uma "obsessão".
    Daí a questão não é mais estar bem, aceitável agradável e vira, ao contrário, um sofrimento.
    Percebi pelo seu blog e orkut que essa questão da imagem é muito forte pra vc!! Me parece que vc se preocupa um pouco demais com isso...tente relaxar menina...kkkkk!!
    Fique fria, vc não é uma mulher feia...longe disso...vc sabe que é muito bonita!!
    Por outro lado, tente não entrar nessa de que vc "deve" ser linda, jovem e magra, fazendo disso uma "questão" na sua vida!!Tentando PROVAR isso!!
    O tempo passa...até a uva passa...kkk...piadinha véia...rsrsrs!!
    Lembre-se da história de Narciso!!
    Acho que vc coloca a questão muito nos extremos, ou é oito ou oitenta...ou se é linda e chama a atenção ou se é feia e recebe desprezo!!
    Não é bem assim que a coisa funciona!!
    Já conheci gente muito bonita fisicamente e o contrário também, a verdade é que depois de um tempo vc nem percebe mais quem é bonito e quem é feio...as coisas se neutralizam!!
    Menos a cunhada que continua horrorosa até hoje!!
    rsrsrsrsrsrs!!
    Não leve a mal td isso que te digo, como vc pode ver, conitnuo muito sincera!!
    Espero que as minhas palavras te sirvam pra alguma coisa e sirvam para mim tbm, pois tbm tenho minhas neuras...várias!!kkkk!!Em vários aspectos...kkkkk!!!

    Desculpe a delonga!

    E relaxaa menina!!

    Grande beijo!!

    ResponderExcluir

VOU FICAR MUITO CONTENTE SE VOCÊ DER UM POUCO DO SEU TEMPO PARA ME DEIXAR UM RECADINHO,OBRIGADA. DEUS O ABENÇOE.